O amigo do meu marido me enrabou gostoso

Haveria uma comemoração na rua e meu marido ficou preparando a massa em casa de amigos, pois iriamos fazer umas rosquinhas e tínhamos outras em casa e fui lá, pois tinha que preparar mais rosquinhas e por lá estava de visita uma amiga de longas datas de meu marido e o marido dela e achei que tinham saído e tirei a roupa e fico deitada no chão pelada e liguei para meu marido e ele pergunta se a rosca já esta pronta, respondo; Calma quando menos esperar fica no ponto e ao desligar vejo um vulto me agarrando e dava pra ver que já estava de pau duro e era o marido da amiga do meu marido e tentei me sair e ele disse pra eu ter calma e disse que já bateu punheta pensando em mim e já foi abrindo o zíper da calça e tentando colocar o pau na minha bocetinha e tento me sair e pergunto sobre a mulher dele, mas ele disse para não me preocupar que ela saiu e me excitei quando ele disse que eu tinha que dar rapidinho e colocou na minha boceta e num requinte de tarado fez com eu colocasse as mãos pra trás e abrisse minha bundinha pra ele ver meu cu. Agora vou dizer que estava ruim?

Que nada pode parece pelo que escrevi acima que foi violento, então é claro que fiz doce dizendo não querer, mas ali não tinha testemunhas e o deixei comer vendo meu cu e só me restava gozar no pau dele e faltava ele, mas ele tirou e disse que queria comer meu cuzinho e pensei em dar.

Mas fazendo doce disse que não ia dar, mas ele disse pra deixa que só faltasse uma semana pra ele ir embora e ninguém ia ficas sabendo que dei o cuzinho na sala enquanto meu marido estava fora e ele colocou a cabeça na entrada e tento fechar as pregas, mas a cabeça penetrou e ele foi enfiando e agora fazer doce? É difícil fazer doce nessa hora e deixei entrar tudo e ainda rebolei e ele disse algo que toda mulher ao saber se excita, ele falou a mulher dele não sabe dar e ouvi isso eu disse não de preocupa se meu marido não está eu vou dar o cu pra você.

Ele depositou na minha rosquinha e retirou da minha bundinha e pelada pego a roupa e, corro ao banho e fiquei sentada no chuveiro de olhos fechados pensando, eu não deveria e não vou fazer mais isso e quando eu abro os olhos ele está na minha frente de piroca dura só estiquei a mão o puxei e chupei o pau dele e eu não resisto em chupar pica desde pequena adoro isso.

E antes dele gozar olhei pra ele e disse… Isso fica só entre nós? Ele disse sim… Então eu tomo o teu leite e sem pressa mamei e tomei o leite e após isso ele sentou no banheiro em baixo do chuveiro e fiquei brincando com o pau batendo no rosto e tocou o celular e disse me espera e era meu marido perguntando a rosca já está pronta?… E claro que respondo… A rosca vai entrar no ponto e voltei ao banho e ele ainda estava sentando e já estava de pau duro e como vocês sabem a argola já estavam meios dilatados e sentei no pau dele bem embaixo do chuveiro e abri com as mãos a bundinha e entrou macio e a verdade é que eu queria dar o cu até ele gozar e depois liguei e disse agora esta no ponto.
Pode parece ruindade de minha parte, mas aconteceu e faltava isso o fetiche, liga pra ele e dizer algo sobre a rosca e dizer que o “amigo” dele comeu e eu sabia que essa frase me faria passar noites nos banhos me tocando e como nosso visitante estaria por lá por uma semana sempre que dava eu batia uma pra ele e se eles estavam na cozinha eu subia ia chupa e claro levei na boceta também e uma vez que ficaram na frente de casa conversando e pela janela dava pra ver eles e aproveitei e dei a bundinha e dar o cuzinho com pressa doe muito mas aguentei tudo e meu marido nunca desconfiou e nem a mulher dele e se ela não sabe dar a rosca tem uma aqui que sabe. E na saída meu marido foi com eles à rodoviária e logo ele chega e corro pro banho o chamo e mamei sem pressa até o leite chegar e depois dei o cuzinho na mesma posição e fechando os olhos me lembrava da foda anterior e rebolei do mesmo jeito. Amo meu marido e parei com esse lance de puta, mas se ele voltar e vou me preparar, e quero toma leite nem que eu tenha quer ir pra motel e dar o cu pra ele.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *